Highlighted
Jose Barreto
1 Copper

Notebook danificado por técnicos autorizados da Dell.

Nunca pensei que teria tantos problemas comprando um Dell.
Faz 7 meses que comprei o notebook inspiron 14 5448-A30, e nunca vi ele em seu pleno funcionamento. Quando comprei, o cooler veio com defeito e o teclado também, demorou cerca de 4 meses para conseguir a devida atenção para meu caso. Há cerca de um vez um técnico realizou a primeira visita para troca das peças, na data ele danificou minha placa mãe junto da placa mãe enviada pela Dell (por procedimento padrão, na troca do cooler a Dell faz a troca da placa mãe). A resposta do técnico (no momento um representante da Dell), para mim foi que a paca mãe nova tinha vindo estragada, e que a minha estragou no processo da troca.
Mesmo com ela estragada, ele deixou o computador comigo, com a tampa traseira aberta (com a tampa aberta o computador ligava), e depois de alguns dias (2-3 semanas), a Dell mandou outro técnico para realizar a troca das peças.
O primeiro técnico relatou que o problema do HD não está funcionando foi causado pelos danos na placa mãe, (na data eu contestei e falei que não era esse o motivo, é sim o mal manuseio do técnico). Trocaram a placa mãe e de quebra descobriram que o cabo que liga o HD na placa mãe estava quebrado (bem como eu tinha avisado). Novamente não houve concerto para todos os problemas. Uma semana depois o técnico voltou e por um problema na logística foi mandado a peça errada e de quebra o técnico quebrou a tampa traseira do meu notebook.
No mesmo dia liguei para Dell é disse que me recusava a receber mais suporte para troca das peças e que só aceitaria um novo, pois os técnicos que representam a Dell não tem capacidade para exercer esta profissão e todas as vezes que tiveram que tocar no meu computador só comprometeram mais o funcionamento dele.
Uso meu computador para trabalho e a resposta da Dell foi que demoraria de 45-60 dias para me darem uma resposta se pelo menos iriam realizar a troca.
Não entendo com uma empresa como a Dell possa fazer um cliente passar por tudo isso sem ao menos se importar com a situação dele.
Devo procurar o PROCON e o Tribunal de Pequenas Causas?