Responder à mensagem

Responder à mensagem

Apresentar discussão em janela de contexto

Responder para:
Lucas DC
1 Copper

RE: Placa de vídeo não é reconhecida.

Pessoal, compartilhando minha experiência.

Hoje, 11/12/2015, após instalar CS:GO e perceber a porcaria que ficou ao rodar (uma vida para iniciar o jogo, FPS de 45 parado na base, mas qualquer brisa cai pra 15, enfim um lixo, (td configurado na low ou very low) imediatamente entrei em contato com a assistência remota da DELL.

Recebi assistência remota do técnico Robson, muito tranquilo e gente boa. Enfim, como eu disse para ele, são alguns técnicos da DELL que ainda estão salvando as presepadas da empresa.

O que foi feito:

1- desinstalou o que tinha no PC da AMD, catalyst e toda sobra. Como essa coisa estava impregnada e não saia nem com reza brava ele instalou outro programa para enxotar (detalhe que no sistema estava mostrando R7 m260 que nem era o que estava especificado no momento da compra).

2- Baixou os drives disponíveis no site da DELL referente a placa R7 256; o mais recente não fez diferença nenhuma; desinstalou e instalou um anterior.

3-Reinstalou um drive da BIO que tb está no site;

4-Reiniciou tudo a cada instalação.

Resultado: Não sei se o que está rodando é a R7 256 ou a INTEL 5500, porque é confuso. Perdeu o brilho e a cor do PC, o gerenciamento de energia está enlouquecido, cooler tem vida própria, vai digitar e queima a mão, pode até fritar um ovo se quebrá-lo centralizando na área do enter e do backsapace, o fps aumentou discretamente para 60 e está jogável (td na low ou very low), mas esse jogável não é compatível com um hardware i7 5ª, 8 ram, placa de vídeo 2gib dedicada.

O jeito vai ser procon ou judicializar a parada, porque pelos comentários de pessoas com o mesmo problema esse pc foi tirado de mercado europeu e americano por motivos parecidos, o que resta concluir que a empresa DELL desovou esse refugo todinho no Brasil, sabendo do problema previamente. Se a empresa já sabia e mesmo assim vende, é pura má-fé, conversar com algum advogado e ver se é cabível danos morais.

Temos que acabar com essa história de aceitar qualquer coisa, de não reclamar, afinal 3500 é grana demais! Já aguentamos o governo, agora também a iniciativa privada filando, Deus nos ajude.

Acompanhando a ideia do FVULCANO, vamos fazer um grupo para reclamar nossos direitos.

email: ofertaslucas@gmail.com

Abraços. Boa sorte para nós.